€16 | 408 pp. | 978-989-99807-2-3

O agrimensor K. chega a uma aldeia perdida na neve e tenta chegar à fala com os responsáveis pelo castelo, mas embate na burocracia intratável das autoridades. Kafka começou a escrever O castelo em 1922 mas este só foi publicado pelo amigo Max Brod postumamente. À semelhança dos dois outros romances, O desaparecido e O processo, também este nunca foi terminado. A presente publicação segue a edição crítica das Obras Completas de Franz Kafka e inclui os fragmentos e variantes existentes.

Franz Kafka nasceu em 1883, em Praga, numa família judia. Cursou Direito por imposição paterna e trabalhou grande parte da sua vida numa companhia de seguros. É o autor de três romances incompletos, vários contos e novelas, diários e uma volumosa correspondência. Em 1917 foi-lhe diagnosticada uma tuberculose, de que viria a morrer aos 40 anos. Algum tempo antes, pedira ao amigo e testamentário Max Brod que queimasse toda a sua obra.